Cooking Basics Lesson I: Seasoning with Salt

|Bilingual Post-Artigo Bilíngue|

Have you ever tried a nice looking piece of beef/chicken/ lamb, and ended up disappointed with its taste? You are not the only one. Many times people miss on the basics of cooking, such as the seasoning.

Seasoning ranges from salt, garlic to any aromatic herbs. Salt and garlic are the absolute basic ingredients for a tasty dish. Sodium chloride, most commonly know as salt, is an ionic compound with one ion of sodium (Na) and another of chloride (Cl). As a part of the essential nutrients, salt helps to regulate the amount of water content in the body and is involved in many other bodily functions. Apart from helping our bodies, it plays an important role for food preservation and taste.

A long time ago, there was no electricity so food needed to be preserved. Preservation was accomplished by many processes, one of them was curing, which is done by adding a large quantity of salt, for example, to remove all the moisture from the food. It is this very special relationship that salt has with food that makes it a key component for many fantastic dishes. Salt is not only used to preserve food, but as well to brings out its flavor, decreases the effect of the bitterness, and balance the sweetness of a dish. Usually meat/fish contain small quantities of water and salt, which is the reason why it becomes more noticeable. This enhancement also as to do with the solubility of salt in water, in this case meat/fish. The salt molecules move from the outside/inside to the inside/outside the meat due to the process of osmosis. For any other additional on salt, click here.

There are different types of salt ranging from sea salt to fleur de sel. Many people prefer kosher salt over table salt due to the size of its grains, and fleur de sel is used for finishing dishes, such as salads or steamed vegetables. The use of each depends on the texture of it, quantity of sodium, and as well its solubility. Keep in mind that a tablespoon of table salt may be different from the one for sea salt. If you want to substitute the common salt, you can use potassium salt. Choose your salt wisely taking your dish and health into consideration.

Here in Angola most of the dishes are prepared with salt, garlic, pepper and bay leaf. Using coarse salt like sea salt, everything is smashed using a mortar and pestle. After smashing, this mixture should be rubbed onto the meat/fish while you taste it. Remember that over seasoning the food is a bad thing, so start with small quantities of seasoning and add more until it is matched to your taste.

DSC_0289-1
Basic seasoning for fish dish

One important additional item is the use of an acidic component such as vinegar or lemon. Those two help to break down the protein making the meat/fish more tender. It is also recommended to moderate on the quantity of acid put in the food. This quantity is to be watched due to the fact after long consumption of high acidic food, the probabilities of causing damage to the body increase. If 3-4 medium pieces of fish are being used, make sure to squeeze less than half a lemon to season it. For the meat, you can used less than a tablespoon of vinegar.

A range of other herbs and spices can be used in your basic seasoning. Black/white pepper, paprika, nutmeg, cumin, bay leaf, parsley, coriander, basil and oregano are the one used the most at the house. When cooking, remember that “YOU” are the one who chooses what to do. If it tastes good for you, then you did a good job. Choose your additional touch in the following link: Herbs and Spices.

Despite what many people its adverse health effects, salt is a great part of your seasoning. Remember that salt can bring an entire dish to ruin or to the the pedestal when used in the right quantities.

Before you go, I would like to ask the following questions:

  • Was this helpful?
  • What type of seasoning do you use?
  • What is your absolute must when seasoning?

Until next time, my Hungry People.

Featured image: MNN


Dicas Básicas de Culinária: Temperando com Sal

Já alguma vez teve o prazer de experimentar um daqueles pratos de dar água na boca, e acabou decepcionando-se com o sabor? Posso garantir que não é o único a experienciar isso. Muitos pratos acabam com esse destino por falta de identidade, ou seja, tempero.

Tempero é definido como um grupo de condimentos usados para adicionar/realçar mais sabor a uma peça de carne ou peixe. Para muitas culturas, o sal e o alho fazem parte do tempero básico caseiro. Cloreto de sódio, mais conhecido por sal, é um componente iónico que tem um ião de Sódio (Na) e outro de Cloro (Cl). Como parte dos nutrientes essenciais, o sal ajuda a regular a quantidade de água no corpo, e também está envolvido em maior parte das funções deste. Para além de ajudar com o nosso corpo, o sal é muito importante para preservação de comida e seu sabor.

Há muito tempo atrás, quando não havia electricidade, a nossa comida precisava de ser preservada. Essa preservação pode ser feita de várias formas, e uma delas é a da carne seca, aonde uma quantidade excessiva é adicionada à carne. Esse adição facilita a remoção da humidade da carne. Isso também pode ser feito com o peixe. Essa relação especial que o sal tem com a comida é a chave para muitos pratos fantásticos. O sal não é só usado para preservar comida, mas também para revelar o seu sabor, diminuir o efeito do sabor amargo e balançar a doçura de um prato. Normalmente o peixe e a carne contêm pequenas quantidades de água e sal, o que faz com que a adição de sal realce mais o sabor já lá existente. Esse realce é relacionado com a solubilidade de sal na água, nesse caso no peixe/carne. As moléculas de sal movem-se de dentro/fora para fora/dentro da carne por um processo chamado osmose.

Existem diferentes tipos de sal, que vai do sal do mar até o famoso fleur de sel. Muitas pessoas preferem sal kosher em relação ao sal de mesa por causa do tamanho dos seus grãos, e o fleur de sel é usado para acabamentos de pratos, como saladas e legumes cozidos a vapor. O uso de cada tipo de sal depende da sua textura, quantidade de sódio, e também da sua solubilidade. Mantém em mente que uma colher de sopa de sal de mesa pode ser diferente de uma colher de sopa de sal do mar. Cloreto de potássio pode ser usado como substituto para o sal normal. Antes de escolher o sal, tenha em conta o tipo que comida que fará e se a sua saúde não será afectada por essa escolha.

No meu país de origem, Angola, muitos pratos tipicos são preparados com sal, alho, pimenta e folha de louro. O sal grosso é pisado no pilau com os ingredientes mencionados posteriormente. Depois de obter uma mistura homogénea, esta é em seguida distribuída pela/o carne/peixe em porções iguais. Ao adicionar a mistura, certifique-se de que a quantidade está a seu gosto, e que não seja muito excessiva.

DSC_0289-1
Tempero basico para o peixe

Um componente que não pode faltar no seu tempero é o componente acidíco, como o limão, vinagre, yogurt, ou vinho. O ácido neles contido ajudar a desnaturar as proteínas fazendo com que a carne fique mais propensa a entrada de outros componentes do tempero. É recomendado usar uma quantidade moderada de ácido na comida. Essa quantidade precisa de ser monitorada porque a ingestão de comidas com quantidades excessivas de ácido pode causar danos ao organismo. Se estiver a preparar 3-4 pedaços de peixe, pode usar o sumo de metade de um limão ou menos para tempera. Para carne, normalmente uso vinagre, e recomendo usar menos de uma colher de sopa.

Uma variedade de ervas aromáticas e especiarias também podem ser adicionadas ao tempero básico. Pimenta branca/preta, pimentão doce, colorau, noz moscada, cominhos, folha, salsa, coentros, manjericão e oregános são os que mais se usa aqui em casa. Quando estiver a cozinhar, lembre-se de que “TU” és a/o rainha/rei da parada. Se estiver saboroso para si, então é porque fez um bom trabalho.

Mesmo com os efeitos negativos que pode causar a nossa saúde, o sal é uma peça essencial para o tempero. Quando usado nas quantidades certas, o sal é capaz de arruinar um prato principal, ou pô-lo no topo das melhores experiências culinárias que já alguma vez teve oportunidade de experimentar.

Antes de sair, queria fazer as seguintes perguntas:

  • Esse artigo foi útil para si?
  • Que tipo de tempero usa normalmente?
  • O que não pode faltar no seu tempero?

Até a próxima, Hungry People.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Powered by WordPress.com.

Up ↑

Confissões de uma Doceira Amadora

Receitas pra mandar bem na cozinha!

God Is Everything

Jesus Lord Jehovah God Christian Bible Religion Holy Spirit

Dianna Donnely's Real Food Meals and Books

Author of "Heart Seasons: The Rainbow Revelation." Who is Passionate About a Healthy, Happy Lifestyle and Real Food Meals!

Words and Notion

my words your notion